Stop Loss — Saiba Como Se Proteger na Queda dos Preços

Há pessoas que, apesar do  interesse no mercado financeiro, preferem não fazer investimentos por medo de tomar as decisões erradas. Entretanto, com apenas alguns conhecimentos básicos é possível compreender como funciona o sistema e evitar o prejuízo. Uma das formas de se proteger é conhecer os conceitos de stop loss.

Veja só o que estas técnicas podem fazer por você para que gere mais renda ao investir!

O que é stop loss?

O stop loss — termo em inglês para “parar a perda” — é um comando automático que tem como objetivo fazer um melhor gerenciamento das perdas e produzir mais ganhos.

Ou seja, é uma ótima forma de garantir certa segurança para aqueles que têm receio de ingressar no mercado por conta das variações.

Essa ordem é responsável por gerar a venda de seu ativo quando for identificado que há uma queda brusca no mercado. Isso porque ele consegue fazer análises, descobrir se a situação é bull ou bear, fazer projeções para os próximos dias e entender se esta é uma flutuação momentânea ou se os prejuízos são progressivos.

Como configurar esse comando?

Apesar de ser automático, ele precisa ser previamente configurado pelo investidor. Afinal, o sistema não tem liberdade ou autonomia para fazer essa atividade sozinho. Assim, ao fazer as definições do stop loss, é preciso seguir os seguintes passos:

  1. Inserir o valor de disparo (Valor que “acionará” a criação da ordem de venda)
  2. Inserir o valor de venda (Valor que você deseja que o ativo seja efetivamente vendido)
  3. Inserir a quantidade do ativo a ser vendida

Recomenda-se que o valor de disparo tenha uma certa distância do valor de venda para evitar que sua ordem seja pulada e acabe não sendo realizada.

Ex: Valor de disparo = 1.200

Valor de venda = 1.050

Limite mínimo

Com base na quantia que você pagou por aquele ativo, faça a configuração do stop loss com um limite mínimo — ou seja, o quanto considera que seja o início de um sinal de queda. Desta forma, esse valor de disparo, quando acionado acionará as vendas automáticas.

Para ter uma real noção, é importante entender qual o valor médio daquele ativo e calcular uma porcentagem de perda que considera aceitável em cima dessa quantia. Para isso, esteja atento a gráficos que mostram um panorama geral do mercado.

Tempo de duração

Outro ponto de atenção é o quanto irá durar esse comando automático. Afinal, não é sempre que esse ativo estará em risco de queda, não é mesmo? A plataforma permite você defina um prazo, que não tem nenhum limite específico, mas deve estar em atividade por pelo menos um dia inteiro.

Gostou de saber o que é stop loss? Então leia mais artigos aqui no blog da NovaDAX!

Compartilhar

Leave Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pular para a barra de ferramentas